Layout / Art: Ana.

domingo, maio 13, 2007

Feliz dia da mães, mulheres que pariram e mulheres que não pariram, mas que são grandes mães!!!!!



essa sou eu nos dias de hoje. cabelos curtos, aqui na foto com a Meinha, ainda marrons, mas lá embaixo, foto tirada ontem, cabelos pretos, olhar bem mais cansado. rugas? algumas a mais... Eu ando sem graça, meio com vergonha de colocar fotos minhas no blog. Tenho mil desculpas para não me deixar fotografar.
Ah, o tempo é foda... sem chances com ele!
Coloquei a foto da Meinha hoje, porque, apesar dela não ter parido , ela é a grande mãezona de todas nós. Protetora, companheira, amiga, tá sempre ali, firme, nos dando seu IMENSO carinho! Beijos, meu, da Kika, da Moly, da Máma, e de todasssssssssas pripas!!!!

São quase cinco da tarde e tive um dia das mães muito gostoso. Acordei com a Mali pulando na minha cama, cedinho e me dando mil beijos e um presente lindo que ela comprou com o Lê...Adoro quando ela faz isso. Aliás, a Mali tem gargalhada de anjo, ela ri solto, feliz, e me acordou assim hoje! E, ainda por cima, com um presente! um sapato ! não, não era qualquer sapato, era o meu sapato italiano ! Eu estava namorando esse, objeto de desejo e de consumo, há tempos na vitrine da villa vittine, mas, turma, o preço ...paga minha conta de luz e de telefone! Mas, presente é bom assim...quando voce não espera e ganha uma coisa fútil, e super útil, e desejada! estou contente, meu lado "pequeno-burgu~es" está plenamente satisfeito...Ainda, o sapato veio embrulhado em um poster do "galo" em dia de campeão! Com ele, mil poeminhas que ela escreveu pra mim...sabem, aquelas coisas que filho fala toda vez que tem festa das mães, mas que nos fazem ficar emocionadas e felizes! A Jôjô ?Liguei pra ela assim que a Mali me acordou, e ficamos conversando, rapidinho, pq lá ainda era muito cedo, e ela estava dorminhocando....aqui, na nossa casa, maior quentinho, lá fora céu azul, friozinho bom de curtir. Saudade? muitas...JôJô, filha querida, senti de longe seu abraço e seu beijão, e morri de saudades de quando vinham as duas me acordar....eu, definitivamente, adoro minhas filhas. Embaixo, minha carinha de feliz, mas com muita, muita saudade da Joana!

Um comentário:

monicaalvarenga disse...

eu me enfiei devagarinho na cama do zeca e tava frio que ele só fica com o ar condicionado ligado...daí eu fui entrando dentro da coberta e revendo o filme que ele tava vendo que era os infiltrados...eu com um friiioooo... ele devagarinho foi colocando os braços ao redor de mim, me aquecendo.. e eu ali me derretendo nesse dia das mães...