Layout / Art: Ana.

quarta-feira, junho 13, 2007

?????

Ontem foi dia dos namorados.
A cidade estava com um trânsito infernal, afinal, todos tinham que cumprir o esquema amoroso determinado pela mídia!!!
Senti na pele as brincadeiras dos “meninos do escritório...”:
- e ai , dotorinha?? Vai sair hoje?
- ganhou flores???
- ah...só isso?
- vai dar o quê de presente pro gatão???
Pobre daquelas( es) que ontem não tiveram companhia para sair, ou para quem telefonar...
O povo tudo vê...em tudo intromete...
Ora, ora, meu “ficante ocasional” é um velho amigo, companheiro pra um cineminha, um papo e umas vodikinhas aos sábados, mas , efetivamente não somos namorados...
Nos damos muito bem, rimos muito, jogamos muita conversa fora, outras guardamos e discutimos.
Vivo hoje ( acho que sempre vivi) uma maturidade emocional e sexual, tenho liberdade de simplesmente fazer o que eu mais gosto, com quem, como e quando quero.
Faço. É conveniente, e principalmente, é agradável.
Não existe necessidade de qualquer atividade pessoal, amorosa, afetiva que não tenha como objetivo a minha satisfação e o meu prazer.
Questão de escolha, feita há muitos anos atrás.
Aviso aos interessando a escolhas parecidas : - paga-se um preço alto...rssss
Mas o meu post de hoje é também, em função de um e-mail que recebi.
Pois bem, recebi de uma jovem senhora... que me informou ter 55 anos. Diz ser leitora do meu blog, que gosta de vários textos que escrevo, e outros ela acha muito familiar.
Mas, perguntou por que eu não abordava assuntos sobre a sexualidade feminina uma vez que eu escrevo com tanta facilidade sobre sexo!
Fiquei um pouco surpresa, pois vez por outra coloco no blog textinhos meio eróticos (meio?), Mas não sou expert na área... e não falo muito sobre sexo....( Ps.: eu faço, até hoje.....)
Abordagem de forma didática?
- Não, não tenho formação para tanto, sequer conhecimento.
Abordagem pessoal? Emocional?
Na realidade, ela me pediu para falar sobre mulheres "mais velhas", separadas, sexo, solidão, masturbação, uso de vibradores, etc, etc...
Caraca...
Assuntos delicados, complicados até pra mim, tão alegadamente descolada!!!
Principalmente porque não sou uma mulher mais velha....
Amiga leitora, de nome Carolina, da cidade de Petrópolis:
- Prometo que vou pensar, vou ler sobre esses assuntos, e me comprometo escrever um post sobre um desses temas.
Mas está aberto aqui o debate.
Quem quiser, me envie textos e fale sobre o assunto.
Espaço aberto! Vamos lá turma, me ajudem...

5 comentários:

Yvonne disse...

Marília, deixa comigo. Enviarei para você uma história bem interessante. Beijocas

Meia disse...

Tá esquentando....

kika disse...

idi,muito legal esse texto seu. gostaria de ser um pouquinho sequer assim, mas hoje vivo um conflito enorme, so consigo ver e pensar em sexo com o eis... ta foda! um beijo.

O Meu Jeito de Ser disse...

Bom vc poderia ter dito aos "seus" amiguinhos que não recebeu flores do namorado, mas recebeu de um amigo, com o aval da esposa, pois ambos lhe querem muito bem.
O assunto é muito interessante, se tiver algo te mando.
O sexo, ou a sexualidade na nossa idade, é algo muito bom, deve ser falado sim, ser exposto, é muito rico.
Beijo menina

marilia disse...

Adoro vcs....
vou aguardar auxilio das blogueiras -mor...rsss
bjos