Layout / Art: Ana.

quinta-feira, agosto 23, 2007

amor manso

se eu pudesse escolher meus amores,
iria escolher entre os puros, os doces, os de olhar infinto.
aqueles que amam tranquilamente, compassadamente , sempre.aqueles que falam poemas, e mandam uma rosa.
mas, escolhendo os puros e de olhar infinito, e que me amariam tranquilamente eu perderia da paixão, o medo do dia seguinte e toda adrenalina que vem com ela.
o puxão de cabelo, o porre homérico, e roupa molhada, o beijo profundo.
alguem me disse que estou errada.
que exite amor tranquilo, com beijos profundos
ah... ainda vou sair para procurar um desses...

7 comentários:

valter ferraz disse...

Marília, quem te disse isso, não sabe de nada.
Beijo, menina

Ana disse...

Marília, "eu quero a sorte de um amor tranqüilo, com sabor de fruta mordida"... Mas não é este que nos faz viver, não é mesmo?
"O puxão de cabelo, o porre homérico, e roupa molhada, o beijo profundo"... Adooooro!
Beijo

Anônimo disse...

Eu gosto de amor......pode ser do jeito que for...rsrsrs
beijos.
Dedéia.

Yvonne disse...

Marília,amor tranquilo com beijos profundos? Não existe, uma coisa invalida a outra. No entanto, ainda vale a pena procurar. Beijocas

pianomanga disse...

Olá Marilia Querida, sabe de uma coisa? Amor só e bom quando é tran
quilo, mas tem que ter pegada forte
se não perde a graça, lembra do Romeu e Julieta no que deu aquilo?
Cabelo desgrenhado, roupa molhada,
beijos voluptuosos e insanidade mo
vida pela paixão é isso que vale o resto é perfumaria.Bjão e mexa-se, a fila tá andando. Tchau querida.

Trotta disse...

Lembrei do filme "Endiabrado", vc já viu? O cara faz pedidos pro diabo, porque ele quer conquistar a mocinha. Uma deles é ser o cara mais sensível do mundo... nossa, é insuportável, hahaha! E muito engraçado! XD

O Meu Jeito de Ser disse...

Procure, você vai encontrar. Ele existe.
Sei que existe.
Um beijo