Layout / Art: Ana.

sexta-feira, agosto 22, 2008

Verdade?

Ah, se um simples toque do relógio me fizesse despertar.
Ele me acorda , mas eu não desperto do meu sonho.
Pueril a idéia, e juvenil o sonho.
Acredite meu amigo, ele me mantém viva.
Eu sonho que existo, que realizo e que amo, que estou viva, que sinto, que vibro.
Ah, se estou velha?
Mas é claro que não.
Quem fica velho nos tempos de hoje?
E prometo:
- je ne boirai plus d'alcool, vodka, plus jamais, plus...

E tudo que estou escrevendo é verdade...........

5 comentários:

Yvonne disse...

Ai querida, nem sei o que dizer.
Beijocas tristes

Lia Drumond disse...

Que legal que você voltou! Beijos! Bom te ler de novo!

Ana disse...

hehehe
Sim, a verdade é que você escreveu! Pensou e sonhou...
É verdade que vives...
Pero... jamais plus?
Non non mon cherrie...
Duvidê-ó-dó!
kkkkkkkkk
Beijossssss
Ana
www.mineirasuai.blogspot.com

Anunciação disse...

Verdade?Se você diz,por que hei de duvidar?Beijo.

Mário disse...

Verdade seja dita, ficou bom este texto. Bom fim de semana, Marília.